Bem-vindo ao nosso Suporte

Faça sua pesquisa digitando palavras-chave abaixo ou veja a nossa base de conhecimento.

C584-Geração e importação do arquivo Sped ECD

Seguir

Sumário

Sistema: Gerenciador de Aplicativos Prosoft (GAP)

Contexto: Este artigo contém as instruções sobre a Geração do arquivo SPED Contábil ECD, incluindo as parametrizações, geração do arquivo texto e importação do arquivo no PVA – SPED Contábil ECD.

Informações Adicionais: Não se aplica.

Resolução

Sped Contábil ECD

  • Razão Social - Mais de 60 caracteres: Deve ser utilizado para preenchimento da razão social da empresa, caso esta possua mais do que 60 caracteres, limite este estabelecido no Cadastro da Empresa. Se a Razão Social da empresa não ultrapassar o limite de 60 caracteres, esse campo não deve ser preenchido, caso contrário, os termos são emitidos desconfigurados no programa SPED.

 

  • Botão Dados do Assinante: Representante Legal - Deve ser informado o Assinante da Declaração, e/ou indicar o (s) sócio (s) para assinatura. 

  • Botão "Acionar Plano de Contas Referencial"- por meio deste botão é possível relacionar suas contas com o plano referencial da Receita Federal. 

  • Botão Complemento do Registro 0020: Opção disponibilizada para a geração do Registro 0020, onde é possível inserir as informações da Matriz ou Filiais, conforme os casos. Assim que a botão é acionado, são disponibilizadas as seguintes opções: Matriz; Filial e Não gera o Registro 0020.

    Caso a empresa seja única, deve deixar selecionada a opção Não gera o Registro 0020. 

 

  • Botão Dados Complementares para a geração do Livro Resumido: Possibilita a geração dos Registros I012 e I015 (Livros Associados ao Livro Resumido), onde é possível  inserir as informações de cada livro: Código Hash, Número e Natureza do livro e Código(s) da(s) conta(s) analítica(s) do Livro Diário com Escrituração Resumida (R) que recebe os lançamentos globais.

    Após acionado esse botão, é aberta uma nova tela onde pode então informar os dados para a composição das informações dos REGISTROS I012 e I015.

IMPORTANTE: A geração do Livro R “somente” é possível para os escritórios contábeis que possuem clientes que operam sistemas preparados para a geração do Livro A (trabalham com escrituração detalhada de Bancos/ Caixa e/ ou Clientes/ Fornecedores, por exemplo, e faz a entrega desse Livro Auxiliar/ Associado ao SPED) e, portanto, tem condições de fornecer aos escritórios contábeis as informações necessárias para a conclusão da geração do Livro R, sendo a principal delas: Código HASH solicitado para a geração do registro I012, mencionada anteriormente, o qual somente é possível obter com a validação do Livro A pelo SPED. 

Esse código HASH é composto de 40 dígitos, sendo alfanumérico com caracteres de 0 a 9 e letras de A a F (maiúsculas).

 

  •  Botão Balancete Referencial: visualize o Balancete Referencial acionando essa opção, desde que, tenha efetuado o relacionamento do Plano Referencial. 

  • Período Inicial: Deve-se informar a data inicial das informações contidas no arquivo. 

  • Período Final: Deve-se informar a data final das informações contidas no arquivo e são gravados no registro 0000 do arquivo texto.

  • Tipo do Livro: Informar se está gerando o Livro G (Geral) ou R (Resumido). 

  • Situação Especial: Caso exista Situação Especial no período de geração do arquivo, deve informar nesse campo.

  • Data da ocorrência: Só ficará habilitado este parâmetro se tiver algum indicador de Situação Especial informado. 

  • Encerramento: Preenchido automaticamente com a data informada no Encerramento do Exercício Social.

  • Consolidada (Mtz/Fil): Habilita somente para empresa tipo Matriz 
     
  • Data de atualização informada deve ser igual à data do campo "Data Final" das informações contidas no arquivo.

  • Instituição Responsável pela Administração do Cadastro: Obrigatório. Deve-se informar o código da instituição responsável pela administração do cadastro.

 

Geração do Bloco J:

  • Gerar contas com Terceiros Analiticamente: A conferência da opção analítica pode ser verificada nos relatórios do SPED: Plano de Contas, Livro Razão, Livro Diário e Balanço Patrimonial.

  • Gerar Somente as contas com movimento (I050): A geração apenas de contas do plano de contas que possuem movimentação.

    Considere como movimentação as contas que:
    - Não possuem movimento mas possuem saldo inicial
    - Não possuem saldo inicial mas possuem movimento a débito ou a crédito
  • I157 – Transferência de Saldos: Este registro é gerado para as empresas que possuíram movimentação inicial entregue por outro escritório.
    Neste registro é feita a transferência de saldos do plano de contas anterior, para as contas do plano atual, por meio de procedimento de relacionamento de contas “De” -> “Para”.
    Esta opção somente é habilitada quando a data informada no campo “De” da área “Período” for posterior a 01/01.

  • Gerar Demonstrações Contábeis (Bloco J): A geração dos Registros do Grupo J é opcional, porém se esta opção não for selecionada não são gerados os registros da DRE (J150) e o Balanço Patrimonial (J100).

    Importante: Esta opção fica disponível somente se existirem lançamentos de encerramento.

  • Incluir Bloco de Demonstrações Anuais: Se selecionada esta opção serão acrescentadas as demonstrações anuais com base no período completo informado na escrituração, ou seja, considerando a totalização dos blocos gerados de forma mensal, trimestral ou semestral.
  • Importante: Essa opção fica disponível somente para as apurações de resultado com periodicidade Mensal, Trimestral e Semestral.

  • Conforme Relat. Mod IISe marcada essa opção, na geração do registro I052 (Indicação dos Códigos de Aglutinação), é gravado o Número Sequencial e no registro J150 (Demonstração do Resultado do Exercício) é utilizado o cadastro de Contas de Fechamento no modelo DOS (CTBWFCH.BTR). Se esta opção estiver desmarcada o programa utiliza o cadastro de Demonstrativo do Balanço indicado nas propriedades do Plano de Contas (exemplo: PROSOFT.DMB) e grava no registro I052 o código da Conta Demonstrativo referenciado no cadastro de Plano de Contas, ou seja, baseando-se no modelo I. 

  • Gerar valores da DRE do período anterior: Se selecionada esta opção, ao final do processamento é possível informar os valores da DRE do período anterior.
    Considere como período anterior, sempre o período de apuração da empresa, como por exemplo:
  • Se anual: o período para a DRE Anterior, corresponde ao ano anterior ao configurado para a ECD
  • Se semestral: o período para a DRE Anterior, corresponde ao semestre anterior

    • Para o 2º semestre, o anterior é o 1º semestre do próprio exercício da ECD
    • Para o 1º semestre, o anterior é o 2º semestre do exercício anterior ao configurado para a ECD

  • Se trimestral: o período anterior é sempre o trimestre imediatamente anterior, exemplo:
    • Para o 4º trimestre, o anterior é o 3º trimestre do próprio exercício da ECD
    • Para o 3º trimestre, o anterior é o 2º trimestre do próprio exercício da ECD
    • Para o 2º trimestre, o anterior é o trimestre do próprio exercício da ECD
    • Para o 1º trimestre, o anterior é o trimestre do exercício anterior ao configurado para a ECD

  • Se mensal: o período anterior é sempre o mês imediatamente anterior, exemplo:
    • Para o 12º mês, o anterior é o mês do próprio exercício da ECD
    • Para o 11º mês, o anterior é o mês do próprio exercício da ECD
    • Para o 1º mês, o anterior é o mês do exercício anterior ao configurado para a ECD

  • Gerar Balanço (J100) em <nº graus="">: Esta opção viabiliza gerar o Balanço Patrimonial em níveis sintéticos, ou seja, o registro J100 pode ser gerado automaticamente no menor nível possível do classificador do plano de contas da empresa.
    Os graus do plano de contas no SPED ECD são contados a partir do primeiro grupo, logo, se o seu plano de contas está definido com 5 graus, no SPED ECD ele é considerado como um plano de 6 graus.
    Sendo assim, quando gerado o arquivo SPED ECD no 4º grau, é o mesmo conteúdo que é gerado no Balanço Patrimonial (Mod. I ou Mod. II) selecionando 3º grau. 

  • Empresa de Grande Porte: Esta opção deve ser selecionada somente se a empresa for sujeita a auditoria, independente cujo Ativo Total seja superior a R$ 240.000.000,00 ou ainda Receita Bruta Anual superior a R$ 300.000.000,00.
    Quando esta opção for selecionada, os campos “Nome do Auditor” e “Registro do Auditor” são habilitados para que os dados sejam inseridos.
    Estes dados são gerados no registro J935 – Identificação dos Auditores Independentes.

IMPORTANTE: Quando a empresa possui encerramento, porém, opta por não gerar o Grupo J, os Registros J005 devem ser gerados com o período inicial e final de cada período em que foram gerados os lançamentos de encerramento. 

  • Termo de Abertura e Encerramento do Livro:As informações dos campos “Termo de Abertura e Encerramento do Livro”, referem-se aos registros I030 e J900, respectivamente Termo de Abertura do Livro e Termo de Encerramento do Livro. 

 

  • Informações Adicionais – J800: Permite a inserção de arquivos tipo RTF pré-elaborados para a vinculação de Demonstrações Contábeis, Pareceres e Relatórios etc.
    Na sequência, clique no botão “mais” para que a informação seja registrada no quadro abaixo. Podem ser inseridos quantos arquivos forem necessários.
    Se algum arquivo for selecionado indevidamente, basta selecionar o mesmo com o mouse e clicar sobre o botão “menos”.  

  • Pré-Validação: Acione esta opção para efetuar uma Pré-Validação no arquivo antes da sua importação no PVA da Receita. 
  • Botão Iniciar: Após preencher os parâmetros para a geração do arquivo texto, uma barra de progresso é apresentada demonstrando a geração do arquivo.

  • Nome do arquivo: O arquivo é gravado como SPEDeeeeaaaa.TXT, onde "eeee" é o código da empresa e "aaaa" é o exercício da escrituração. 

 

PVA - SPED ECD

* Disponível para download no site da Receita Federal

1- Com a versão atualizada no Programa Validador do SPED ECD, acione a opção Arquivo > Escrituração Contábil > Importar.

2- Localize o arquivo texto (O arquivo digital do SPED é criado no diretório de movimento: ? > Proemp?? > CTBMaaaa > SPED). 

  • As advertências não impedem a transmissão do arquivo, porém, se forem constatados erros no arquivo, os mesmos devem ser corrigidos e posteriormente validados até que nenhum “erro” seja apresentado. 

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 16 de 21

Comentários