Bem-vindo ao nosso Suporte

Faça sua pesquisa digitando palavras-chave abaixo ou veja a nossa base de conhecimento.

S821-Recálculo de 13º Salário

Seguir

Sumário

Sistema: Gerenciador de Aplicativos Prosoft (GAP)

Contexto: Este artigo contém as instruções para geração de Recálculo de 13º salário e Cálculos efetuados pelo sistema.

Informações Adicionais: Ao processar recálculo, não deve existir valores acumlados na Ficha Financeira referente à competência Dezembro.

Na 2ª parcela a média é calculada considerando o total acumulado na ficha financeira dividido pelos meses (data de admissão até o mês anterior ao processamento). O resultado divide por 12 e multiplica pelos avos de direito.

No recálculo é somado o total acumulado na ficha financeira incluindo dezembro e divide pelos meses (data de admissão até dezembro). O resultado divide por 12 e multiplica pelos avos de direito.

Resolução

Esta rotina tem como objetivo recalcular o 13º Salário pago aos funcionários até o dia 20 de dezembro de cada exercício.

Este procedimento é necessário pelo fato do pagamento da 2ª parcela do 13º Salário ser efetuado quando a folha de pagamento da competência dezembro ainda não foi processada. Logo, todas as variáveis integrantes nesta competência não foram consideradas para os cálculos do 13º Salário. Levando em conta que o valor de comissões no mês de dezembro é maior e, caso o mesmo não seja considerado integralmente, os funcionários poderão ser remunerados de forma injusta.

O empregador terá até o dia 10 de janeiro do ano subsequente para pagar o 13° salário referente as variáveis constantes na competência dezembro, entre esta variáveis estão adicional noturno, horas extras, comissões e etc.

 

Recálculo de 13º Salário 

1- Acesse: Social > Folha de Pagamento > Rotinas Auxiliares > Recálculo de 13º Salário

2- Para que a rotina de recálculo possa ser utilizada, é necessário que os recibos mensais da competência dezembro estejam processados. Ou seja, não é necessário que os mesmos tenham sido impressos, somente processados, pois todos os eventos que compõem médias de 13º Salário e que foram calculados no recibo serão considerados para o recálculo.

Competência: Informe neste campo a data de competência do recibo a ser considerado para o recálculo, que normalmente é a competência Dezembro. Informe no formato DD/MM/AAAA.

13º processado competência anterior: Caso a 2ª parcela ou parcela única de 13º salário tenha sido processada em competência diferente de dezembro, selecione esta opção e informe o mês de processamento.

Gravar a diferença em variáveis: A opção "Gravar a diferença em variáveis" não deve ser marcada, antes de conferir o relatório de recálculo campo a campo.

Tipo de impressão: Se marcar a opção Modelo 1 serão apresentados o resumo dos valores, se marcar a opção Modelo 2 serão apresentados os valores detalhados. Neste caso vamos marcar o Modelo 2 para facilitar no entendimento. 

Integração de Valores

Para o recálculo, devemos considerar o valor de Comissões demonstrado no Recibo Mensal da Competência Dezembro e somar com o valor acumulado na Ficha Financeira (Janeiro a Novembro).

Valor Acumulado na Ficha Financeira (Janeiro a Novembro): 1.200,00
Valor de Comissões demonstrado no Recibo Mensal da Competência Dezembro: 800,00
Valor Recalculado: 1.200,00 + 800,00 = 2.000,00 / 12 (Janeiro a Dezembro) = R$ 166,67

 

Consulta de Recibos 

1- Acesse: Social > Folha de Pagamento > Consulta > Consulta de Recibos

2- Verifique os valores de comissões no Recibo Mensal

 

Manutenção da Ficha Financeira
 
1- Acesse: Social > Folha de Pagamento > Manutenção de Arquivos Funcionais > Manutenção da Ficha Financeira

É possivel verificar os valores acumulados acessando a rotina Manutenção Ficha Financeira.

 

Recálculo de 13º Salário 
 
Acesse: Social > Folha de Pagamento > Rotinas Auxiliares > Recálculo de 13º Salário
 
 
Integração de Horas
 
Para o recálculo, devemos considerar as Horas Extras e o DSR sobre Horas demonstrados no Recibo Mensal da Competência Dezembro, somar com o valor acumulado na Ficha Financeira (Janeiro a Novembro).
No caso da Hora Extra e DSR, antes de Somar o valor Mensal com o Valor da Ficha Financeira, será necessário encontrar o que seria acumulado na Ficha Financeira no mês de Dezembro. Veja o Exemplo Abaixo:

Cálculo Hora Extra = Valor da Hora Extra do Recibo Mensal / Salário Hora
651,97 / 13,6363 = 47,81

Cálculo DSR = Valor do evento 004 do Recibo Mensal / Salário Hora
139,02 / 13,6363 = 10,19

Após encontrar o Valor que seria acumulado na Ficha Financeira no mês de Dezembro, somar este valor ao total acumulado na Ficha Financeira.

Hora Extra Ficha Financeira referente a Janeiro a Novembro: 119,49
DSR Ficha Financeira referente a Janeiro a Novembro: 29,02
Horas Extras do Recibo Mensal da Competência Dezembro = 47,81
DSR Recibo Mensal competência Dezembro: 10,19

Valor Recalculado = 119,49 + 29,02 + 47,81 + 10,19 / 12 (Janeiro a Dezembro) = 17,2091667
O sistema arredonda para R$ 17,21

Logo após multiplique pelo salário hora:
17,21 * 13,6363 (Salário Hora) = 234,68 

Consulta de Recibos
 
Acesse:  Social > Folha de Pagamento > Consulta > Consulta de Recibos

É possivel verificar os valores das Horas Extras e DSR no Recibo Mensal acessando a Consulta de Recibos.

 

Manutenção da Ficha Financeira
 
1- Acesse: Social > Folha de Pagamento > Manutenção de Arquivos Funcionais > Manutenção da Ficha Financeira

É possivel verificar as Horas Extras e DSR acumulados acessando a rotina Manutenção Ficha Financeira.

2- Preencha a empresa e Funcionário e clique na guia Valores Mensais

3- Clique na guia Outros Valores 

 

Recálculo de 13º Salário 
 
Acesse: Social > Folha de Pagamento > Rotinas Auxiliares > Recálculo de 13º Salário
 
Integração de Fixos
 
Para o recálculo devemos considerar os Fixos do Cadastro do Funcionário e Cadastro do Sindicato, somente há alterações caso seja adicionado um novo Fixo Salarial na Competência Dezembro.

Fixos do Cadastro de Funcionários = 300,00
Fixos do Cadastro do Sindicato = 0
Integração de Fixos Salariais = 300,00 Mesmo valor

 

Cadastro de Funcionários
 
1- Acesse: Social > Folha de Pagamento > Manutenção de Arquivos Funcionais > Cadastro de Funcionários

2- Na guia Salários e Indicadores é possível verificar os Fixos Saláriais.

 

Consulta de Recibos
 
1- Acesse: Social > Folha de Pagamento > Consulta > Consulta de Recibos

É possível verificar o valor pago no Recibo de 13° 2ª Parcela acessando a Consulta de Recibos.

2- Informe a opção Décimo Terceiro, competência, empresa e funcionário

 

Recálculo de 13º Salário 
 
Acesse: Social > Folha de Pagamento > Rotinas Auxiliares > Recálculo de 13º Salário
 
Sal. Recalculado
 
Neste campo é demonstrado o salário Base do Funcionário, e somente alterados, caso haja reajuste salarial na Competência Dezembro.

 
 
Integração Periculosidade e Periculosidade
 
Periculosidade: Para o recálculo será considerado o mesmo valor demonstrado no Recibo de 2ª Parcela de 13º salário, somente haverá alterações caso haja aumento salarial e consequentemente o valor da Periculosidade será alterado.
 
Insalubridade: Para o recálculo será considerado o mesmo valor demonstrado no Recibo de 2ª Parcela de 13º salário, somente haverá alterações caso haja aumento salarial, alteração da alíquota e consequentemente o valor da Insalubridade será alterado.

 

Consulta de Recibos
 
Acesse: Social > Folha de Pagamento > Consulta > Consulta de Recibos

É possivel verificar o valor pago no Recibo de 13° 2ª Parcela referente a Periculosidade e Insalubridade acessando a Consulta de Recibos.

 

Recálculo de 13° Salário 

Acesse: Social > Folha de Pagamento > Rotinas Auxiliares > Recálculo de 13º Salário

Salário Família
 
Este valor refere-se ao evento 023 (Adicional de Salário Família), que é pago aos funcionários “Frentistas”, o valor demonstrado no recálculo será o mesmo demonstrado na 2ª parcela e somente haverá alterações se o valor do Adicional for alterado na Competência Dezembro.

Recálculo de Gorjeta 
 
Este valor refere-se ao evento 031 (Gorjeta), conforme Faixa de Gorjeta pré-definida no Cadastro de Sindicato, o valor demonstrado no recálculo será o mesmo demonstrado na 2ª parcela e somente haverá alterações, se o valor da Faixa for alterado na Competência Dezembro.

Integração de Adicional Noturno
 
Para o recálculo, devemos considerar as Horas de Adicional Noturno demonstrado no Recibo Mensal da Competência Dezembro e somar com o acumulado na Ficha Financeira (Janeiro a Novembro).
 
Acumulo Ficha financeira (Janeiro a Novembro): 55,00
Adicional Noturno Recibo Mensal Competência Dezembro: 20,00
 
55,00 + 20 / 12 (Janeiro a Dezembro)  = 6,25
 
Valor Recalculado: 3.000,00 (Salário Base) + 900,00 (Periculosidade) + 300,00 (Fixo Salarial compõe base para Ad. Noturno) * 0,2 / 220 * 6,25 = 23,86

Este cálculo aplica-se quando a empresa opta por calcular a média de Adicional Noturno com base nos valores acumulados na Ficha Financeira, caso contrário são consideradas as horas de adicional noturno que estão fixas no cadastro de funcionários.

 

Consulta de Recibos
 
Acesse: Social > Folha de Pagamento > Consulta > Consulta de Recibos

É possivel verificar o Adicional Noturno no Recibo Mensal acessando a Consulta de Recibos.

 

Manutenção da Ficha Financeira
 
Acesse: Social > Folha de Pagamento > Manutenção de Arquivos Funcionais > Manutenção da Ficha Financeira

É possivel verificar o Adicional noturno acumulado acessando a rotina Manutenção Ficha Financeira.

 

Recálculo de 13° Salário 

Acesse: Social > Folha de Pagamento > Rotinas Auxiliares > Recálculo de 13º Salário
 
Recalculado
 
É demonstrada a soma de todos os valores calculados no Recálculo.

Neste exemplo:
 

I. Valores + I. Horas  + I. Fixos + Sal. Recalculado + Periculosidade + Insalubridade + Gorjeta . I. A Noturno = 13° Recalculado

166,67 + 234,68 + 300,00 + 3.000,00 + 900,00 + 187,40 + 200,00 + 23,86 = 5.012,61

 

Diferença Apurada
 
Após Conferir todas as Integrações é possível encontrar a diferença a ser paga para o funcionário:
 
13° Pago: 4.899,68
13° Recalculado: 5.012,61
Diferença Apurada: 112,93
 

 
INSS

É considerado o valor da coluna 13º Recalculado, aplica-se a alíquota conforme Tabela Progressiva e deduz o valor do INSS Pago na Segunda Parcela do 13º salário.
 
13° Recalculado 5.012,61 * 11% = 551,38

551,38 – 538,96 (INSS descontado 2ª Parcela 13°) = 12,42
 

IRRF
 

É considerado o valor da coluna 13° Recalculado, aplica-se a alíquota conforme Tabela Progressiva e deduz o valor do INSS e dependentes caso houver. 

13° Recalculado 5.012,61 – 551,38 (INSS Recibo 13° + INSS Recalculo) = 4.461,23

4.461,23 * 22,5% = 1.003,77

1.003,77 – 636,13 (Dedução conforme Tabela)  = 367,64 

367,64 – 345,03 (IRRF descontado no Recibo de 13°) = 22,61

Consulta de Recibos
 
Acesse: Social > Folha de Pagamento > Consulta > Consulta de Recibos

É possivel verificar o valor do IRRF descontado no Recibo de 13° 2ª Parcela acessando a Consulta de Recibos. 

 

Recálculo de 13° Salário 

Acesse: Social > Folha de Pagamento > Rotinas Auxiliares > Recálculo de 13º Salário


Gravar diferença em variáveis

Após conferência de todas as integrações as variáveis poderão ser gravadas e os Recibos Mensais da competência Dezembro reprocessados.

A opção "Gravar a diferença em variáveis" não deve ser marcada, antes de conferir o relatório de recálculo campo a campo.

Emissão de Recibos

1- Acesse: Social > Folha de Pagamento > Processamentos > Processamentos de Recibos/Resumos > Emissão de Recibos

2- Reprocesse os Recibos Mensais da competência Dezembro. 

Para mais informações, consulte: S833- Como serão demonstrados os valores de recálculo de 13° na folha de pagamento e Sefip

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 2 de 3

Comentários