Bem-vindo ao nosso Suporte

Faça sua pesquisa digitando palavras-chave abaixo ou veja a nossa base de conhecimento.

S32-Como analisar o arquivo de retorno da Qualificação Cadastral?

Seguir

Sumário

Sistema: Gerenciador de Aplicativos Prosoft (GAP)

Contexto: Este artigo orienta sobre como analisar um arquivo de retorno da Qualificação Cadastral. 

Informações Adicionais: Não se aplica.

Resolução

Site Oficial eSocial

1- Acesse http://www.esocial.gov.br/

2- Após a verificação cadastral nas bases de dados da Receita e do Cadastro Nacional de Informações Sociais – CNIS, o aplicativo retornará o arquivo com resultado em até 48 horas, por meio do mesmo site utilizado para a transmissão.

3- Clique em Consulta Qualificação Cadastral

4- Em seguida clique em Consulta Qualificação Cadastral em Lote

O arquivo de retorno processado apresenta as divergências entre os cadastros internos da empresa, o cadastro CPF e o Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS).

5- Clique em Download.


O usuário poderá receber até dois arquivos para cada empresa:

D.CNS.CPF.002.aaaammddhhmmss.numCNPJ.numCPF.TXT.PROCESSADO
D.CNS.CPF.003.aaaammddhhmmss.numCNPJ.numCPF.TXT.REJEITADO


O arquivo PROCESSADO apontará as divergências entre os cadastros internos das empresas, o Cadastro CPF e o Cadastro Nacional de Informações Sociais – CNIS; e orientará o procedimento a ser adotado para ajuste das divergências encontradas.

O arquivo REJEITADO apontará o motivo da inconsistência na formatação do arquivo e/ou campos de cada registro.

 

GAP

6- Acesse Social > eSocial > Qualificação Cadastral

7- Clique na opção retorno e automaticamente serão atualizadas as informações sobre registros válidos e inválidos.

É necessário o envolvimento do empregador e principalmente dos trabalhadores, que devem se dirigir aos órgãos responsáveis para proceder com a correção das divergências apontadas no processo de Qualificação Cadastral.

Algumas informações referentes às divergências:

  • Divergências relativas ao CPF (Situação "suspenso", "nulo" ou "cancelado", ou data de nascimento divergente): O colaborador deve ser direcionado a procurar conveniadas da RFB: Correios, Banco do Brasil.
  • Divergências relativas ao NIS (CPF ou data de nascimento divergentes): O usuário deverá estar atento, pois a orientação será dada de acordo com o ente responsável pelo cadastro do NIS:
    • Atualizar NIS no INSS: Ligar 135 para agendar atendimento;
    • Atualizar o Cadastro NIS da CAIXA: Utilizar Cadastro NIS Empresa pelo Conectividade Social ou uma agência da CAIXA;
    • Atualizar o Cadastro NIS em uma agência do Banco do Brasil.

Importante: Após a verificação cadastral nas bases de dados do CPF e do Cadastro Nacional de Informações Sociais – CNIS, o aplicativo retornará o resultado para o usuário sobre a validação de cada campo (CPF, NIS e data de nascimento), informando quais os campos estão com divergências.

 

 

Esse artigo foi útil?
Usuários que acharam isso útil: 6 de 17

Comentários